Como ensinar o filho a economizar energia e água?

Tornar as crianças conscientes é um dos passos mais importantes para que, no futuro, ao se tornarem adultos, elas façam a diferença. Afinal, o nosso planeta está sofrendo os impactos dos erros que foram cometidos no passado e orientar as crianças sobre como economizar energia e água faz parte dessa mudança de hábitos necessária para se criar um futuro sustentável.

Pensando nisso, preparamos este artigo com algumas dicas de como ensinar o seu filho a economizar energia e água e incentivá-lo de uma forma simples e prática. Confira!

Mostre o quanto precisamos desses recursos

Para que se tenha essa vontade e colaboração na hora de economizar, é preciso que seu filho entenda que ajudando ele fará algo bom para si mesmo e a todos ao seu redor. Só falar, porém, pode soar muito abstrato. Que tal mostrar? Desligue tudo em casa e passem algum tempo sem energia. Com certeza, ele sentirá falta da luz, celular, televisão, computador, banho quente, do ar-condicionado…

Mostre também que a geladeira não conservaria os alimentos, não seria possível lavar roupas na máquina, as ruas não ficariam iluminadas, entre tantas outras praticidades que a energia nos dá.

Já em relação a água, a melhor maneira de demonstrar o quanto ela é vital é voltando o olhar para o nosso próprio corpo. Que tal fazer um experimento com duas plantas? Regue apenas uma, enquanto a outra não receberá água. O resultado é inevitável.

Também vale analisar a conta de água juntos, mostrar de uma maneira visual, como em baldes, o quanto se desperdiça ao deixar uma torneira aberta ao escovar os dentes ou o quanto se economizaria ao diminuir cinco minutos do banho diariamente.

Mostre que economizar energia e água andam juntos

Agora que o seu filho entendeu a importância desses recursos, mostre a ele que os dois caminham de mãos dadas. Dependendo da idade, vale a pena explicar um pouco sobre a origem da energia elétrica, que é, em maior parte, de hidrelétricas.

Assim, ele vai entender que ao reduzir o tempo no banho, ele está economizando a água que o limpa, a energia para o chuveiro e a água para que aquele eletrodoméstico funcione. É como montar um quebra-cabeça.

Fale sobre a importância da água para a humanidade

Para reforçar ainda mais essa consciência, lembre que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, água é um direito humano. Todos precisam de uma quantidade mínima de água por dia.

Deixe claro que o quanto o seu filho usa pode afetar no quanto uma outra pessoa em situação vulnerável terá disponível. Vai muito além de manter este recurso, é sobre qualquer forma de vida nesse planeta.

Estabeleça limites e regras

Com as dicas acima, ficou fácil do seu filho entender a importância de economizar energia e água. Agora, é colocar, realmente, em prática. Comece estabelecendo limites, que serão mais como direções, já que a ideia não é mandar, mas educar.

Deixe, por exemplo, um copo no banheiro e oriente que o ideal é usar apenas aquilo de água para escovar os dentes. Estabeleça um tempo máximo para o banho. Ensine-os a aproveitar a luz natural, a desligar tudo sempre que sair de um ambiente e até reutilizar a água da chuva para limpeza.

Mostre que pequenas mudanças podem fazer a diferença

Só colocar para lavar roupas que estão realmente sujas, usar um copo durante todo o dia para lavar menos louça, fechar o chuveiro na hora de se ensaboar, não ficar abrindo e fechando a geladeira, usar a vassoura mais vezes ao invés do aspirador e deixar o carro na garagem e sair de ônibus um fim de semana no mês. Pequenas mudanças também fazem a diferença!

Dê o exemplo

Essa é a principal dica! De nada adiantará ensinar tudo isso ao seu filho se você também não economizar energia e água. Ter uma referência é essencial. Portanto, faça esse papel! Mostre que é possível e mudem hábitos juntos.

Pronto! Agora você já sabe o que fazer para ensinar o seu filho a economizar energia e água. Tem outras dicas sobre como fazer isso? Compartilhe nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *