4 dicas para fazer a melhor parceria de negócios com fornecedores

A funcionalidade e a qualidade de uma empresa dependem dos mais diversos fatores, inclusive de sua relação com outros empreendimentos. Uma boa parceria de negócios com fornecedores, por exemplo, é garantia de produtos de qualidade e melhores preços.

Muitas firmas, ao não valorizarem essa relação (que deve ser benéfica para todos os envolvidos), acabam por não satisfazer a fornecedora. E a empresa parceira, por sua vez, não consegue atingir as expectativas dos clientes, por não entender a fundo o que é esperado.

Neste post, daremos 4 dicas para que você mantenha, de fato, uma relação de cooperação com sua fornecedora — e ambos os lados saiam ganhando. Continue a leitura e confira!

1. Não leve em consideração apenas o preço

Adquirir produtos e serviços a preços baixos é uma busca constante para todas as empresas. Afinal, economia é realmente importante para todo negócio.

Porém, existem outros pontos importantes a serem levados em conta. É necessário, por exemplo, observar se a fornecedora:

  • tem todos os produtos de que você necessita;
  • consegue cumprir com os prazos determinados;
  • oferece um atendimento satisfatório;
  • apresenta um visão alinhada com a de sua empresa.

É impossível construir uma boa relação com a fornecedora se ela não oferecer serviços de qualidade e acabar trazendo diversos prejuízos para sua empresa.

2. Expresse claramente o que você espera

É preciso que você expresse claramente quais são suas maiores necessidades — desde os produtos dos quais precisa até os prazos de entrega. É interessante deixá-la a par do planejamento e da execução de seu empreendimento, para que a fornecedora possa se organizar de forma a atendê-lo melhor. 

Se informada antecipadamente e de maneira completa, a empresa contratada poderá se programar, evitando erros e confusões nas entregas. Pode ser interessante treinar uma equipe especializada para realizar o contato direto entre as firmas.

3. Valorize o trabalho do seu fornecedor

A ideia de que apenas o cliente deve estar satisfeito é ultrapassada. Esse tipo de relação funciona como uma via de mão dupla: não basta você se satisfazer com o serviço prestado — é fundamental que os prestadores também fiquem contentes com os negócios fechados.

Portanto, faça com que o fornecedor se sinta valorizado e reconhecido por seu trabalho. Isso pode ser demonstrado de diversas maneiras, como:

  • o pagamento em dia dos valores acertados;
  • a organização da documentação exigida;
  • a facilitação dos meios necessários para que ele realize sua função de maneira otimizada.

Sempre questione se a empresa parceira está contente com a relação entre vocês e o que pode ser feito para torná-la ainda mais forte. Lembre-se de que é ela que permite que seu negócio tenha clientes, visto que é a responsável por fornecer o que sua companhia vende.

4. Seja sempre cordial

Educação, gentileza e cordialidade são imprescindíveis em qualquer tipo de relacionamento (e, nesse caso, não é diferente). Portanto, seja cordial em todas as etapas, desde o processamento do pedido até sua entrega.

Erros podem acontecer, mesmo quando a parte que os cometeu fez de tudo para evitá-los. É preciso ter isso em mente e, caso alguma falha ocorra, lidar com a situação de forma tranquila. Assim, você poderá orientar o fornecedor sobre qual é a melhor maneira de resolver incidentes.

Uma forte parceria de negócios com sua fornecedora é muito benéfica para seu negócio. Com essa união, você será priorizado como cliente, conhecendo as novidades e obtendo os melhores preços ou condições de pagamento. Ao investir nessa relação, é possível garantir satisfação e economia.

Agora que você já entende melhor as parcerias de negócio entre fornecedores e clientes, entre em contato conosco

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"